Biografia

“Vitor Hugo é um ator extraordinário! Independente do papel, pequeno ou grande, protagonista ou coadjuvante, mocinho ou vilão, Vitor se destaca. Sua atuação é intensa marcante e surpreendente. Sempre busca um caminho que não se espera. Tive o prazer de tê-lo em todas as minhas obras e quero continuar contando com sua parceria.”

Vívian de Oliveira – autora da novela Os Dez Mandamentos e das séries José do Egito, Rei Davi e História de Ester (Rede Record)
bandeira-reino-unido

ACTOR, holds a post-graduate degree in philosophy from the University PUC-Rio, Theatrical Director, VITOR HUGO is one of the most respected Brazilian actors of his generation, nominated and awarded in the most diverse and important awards for theatre and Tv in Brazil.

Currently residing in Europe where he also completed training among the best theatrical companies of the old world, the actor maintains a schedule of international engagements, particularly between the cities of Lisbon and Rio de Janeiro.

In Brazil, was the actor for RECORD TV for almost 10 years, Tv broadcaster with which kept ties between 2008 to 2017. And is Director of the AGARINA ARTISTIC PRODUCTIONS – www.agarina.com – the company responsible for the production of dozens of theatrical shows and series displayed in several cable channels in Brazil.
In Europe, Hugo started his professional trajectory in 2017, invited to run two series filmed in Spain and in Portugal at the invitation of O VULTO, Lisbon’s cultural collective, which produces audio-visual content for the internet.

bandeira-espanha

ACTOR, postgraduado en Filosofía de la Universidad PUC-Rio, Director de teatro, VITOR HUGO es uno de los actores brasileños más respetados de su generación, nominado y premiado en los más diversos e importantes premios de teatro y televisión en Brasil.

Actualmente reside en Europa donde también cumple la función junto con las mejores compañías teatrales del mundo antiguo, el actor mantiene una agenda de compromisos internacionales, especialmente entre las ciudades de Lisboa y Río de Janeiro.

En Brasil fue el actor de la emisora RECORD TV por casi 10 años, con cual mantuvo vínculo entre los años 2008 a 2017. Y es director de AGARINA PRODUÇÕES ARTÍSTICAS – www.agarina.com – empresa responsable de la producción de decenas de espectáculos teatrales y de serie; exhibidos en varios canales de TV en Brasil.

En Europa, Hugo empieza su trayectoria profesional en el año 2017, estando invitado a dirigir dos series filmadas en España y Portugal por el colectivo cultural de Lisboa O VULTO, que produce contenidos audiovisuales para internet.

bandeira-brasil

Ator, empresário do ramo cultural, filósofo (pós graduado em Filosofia pela PUC-Rio), diretor teatral, diretor da Agarina Produções Artísticas, Vitor Hugo é um dos mais respeitados atores brasileiros de sua geração, indicado e laureado nas mais diversas e importantes premiações de teatro e da TV brasileira.

Atualmente residindo na Europa onde também cumpre formação junto às melhores companhias teatrais do velho mundo, o ator mantém uma agenda de compromissos internacionais, sobretudo entre as cidades de Lisboa e do Rio de Janeiro.

No Brasil foi ator exclusivo da Rede Record, por quase 10 anos, emissora de televisão com a qual manteve vínculo entre os anos de 2008 e 2017.

Na Europa, Hugo inicia sua trajetória profissional no ano de 2017, convidado a dirigir duas séries infanto-juvenis filmadas na Espanha e em Portugal, produzidas por O VULTO, coletivo cultural da cidade de Lisboa que produz conteúdo áudio-visual para a internet.

No cinema atuou em 3 longas metragens, com destaque para a franquia OS DEZ MANDAMENTOS (2016). Produzido pela Record Filmes em parceria com a Paris Filmes, dirigido por Alexandre Avanccini, o filme que se tornou o de maior bilheteria do cinema brasileiro, com 11,215 milhões de ingressos vendidos. Destaque também para o longa-metragem FICA COMIGO (1997), que Hugo protagonizou ao lado de Antônio Fagundes e que foi dirigido por Tizuca Yamasaki, cineasta laureada com a Menção Especial pelo júri do Festival de Cannes, na França.

Nascido no Rio de Janeiro em 03 de março de 1977, o ator iniciou sua carreira aos 10 anos de idade e na TV brasileira já realizou mais de trinta trabalhos, entre séries, novelas, mini-séries e seriados em emissoras tais como Rede Globo, Rede Record, Rede Bandeirantes e Rede Manchete.

Nos mais recentes trabalhos na TV – frutos de uma sólida parceria iniciada em 2012 entre o ator e o renomado diretor Alexandre Avanccini – Hugo coleciona mais de 20 indicações e prêmios tanto por sua atuação como por sua participação nas obras premiadas.

Em 2017 Hugo iniciou o ano de modo promissor. Como protagonista da 1ª fase da novela O Rico e Lázaro, que estreou em 13 de março, no Brasil, pela Rede Record. Elogiado pela crítica especializada, e celebrado pelo público, sua atuação como o profeta Jeremias marca o grand finale de sua parceria de quase 10 anos com a emissora do Rio de Janeiro.

No ano de 2016, Vitor interpretou e se destacou como Corá, o antagonista absoluto de OS DEZ MANDAMENTOS – Nova Temporada, novela recorde de audiência, e que, vendida para mais de 23 países – dentre os quais Portugal, Argentina, Cuba, Estados Unidos, Japão, África do Sul e Austrália -, difundiu a imagem do ator pelos cinco continentes. A sequência da morte de seu personagem na trama custou US$ 150 mil e marcou o maio índice de audiência de toda a novela.

Em 2015 também integrou o elenco da primeira temporada de OS DEZ MANDAMENTOS, indicada e/ou eleita a Melhor Novela de 2015 em premiações tais como: Prêmio UOL, Prêmio Extra de TV, Prêmio TV Foco, Prêmio APCA, Prêmio Contigo e Troféu Imprensa. A atuação vibrante de Hugo em um papel coadjuvante, garantiu a ascensão de seu personagem ao patamar de antagonista absoluto na segunda temporada da novela.

Em 2014, Hugo foi o grande destaque da TV brasileira. Com o texto de Carlos Lombardi e também sob a direção de Alexandre Avanccini e, Hugo protagonizou a novela PECADO MORTAL, onde brilhou interpretando o psicótico e pansexual delegado Picasso. Colecionou indicações em 6 importantes premiações da TV com destaque para: Melhor Vilão da TV Brasileira na premiação do OverTube; Melhor Ator de Novelas no 16º Prêmio Contigo TV Brasileira; e Melhor Ator Coadjuvante no Prêmio Tele Dossiê.

Em 2013, Vitor deu a vida a Judá, a emblemática personagem bíblica que deu origem ao povo Judeu, na série JOSÉ DO EGITO. A super produção da Rede Record custou US$ 15 milhões e teve cenas gravadas no Chile, Israel e no Egito. Totalmente produzida com câmeras de cinema a série abriu as portas do mercado dos Estados Unidos, tendo sido exibida tanto na FOX como na FOX Latina para o público hispânico. A cena com o monólogo de Judá (Vitor Hugo) em defesa do irmão Benjamim, foi eleita pelos internautas brasileiros a mais emocionante de toda a mini-série, em enquete realizada pelo R7, o maior portal de internet brasileiro.

No ano de 2012, sob a direção de Edson Spinello, Vitor atuou na mini-série REI DAVI interpretando o aleijado Mefibosete. A série foi eleita a Melhor Produção Integral de 2012 no FYMTI (Festival e Mercado de TV – Ficcíon International). Outra cena interpretada por Vitor foi eleita a mais emocionante da mini-série, em enquete do Portal R7 e Hugo se tornou um 5º assunto mais comentados no Twitter Brasil.

Entre 2010 e 2011 integrou o elenco de A HISTÓRIA DE ESTHER, primeira série bíblica da TV brasileira e, juntamente com o elenco da série, Hugo foi laureado com a Medalha Pedro Ernesto por sua contribuição à Cultura da Cidade do Rio de Janeiro, a mais alta honraria da Casa das Leis da Cidade, a Câmara dos Vereadores do Rio.

Os anos de 2008 e 2009 marcaram a chegada definitiva do ator a Rede Record onde faria apenas uma participação de 3 meses na novela CHAMAS DA VIDA, dirigida por Edgar Miranda. Entretanto, sua atuação vigorosa interpretando o personagem Marreta fez com que este se tornasse o protagonista do núcleo de “badboys” da novela, fato que rendeu ao ator não apenas a indicação ao Prêmio Contigo de TV Brasileira, na categoria Melhor Ator Coadjuvante, como também garantiu a renovação de seu contrato com a Rede Record em parceria dura 8 anos e que se encerra no início de 2017.

Anterior a este contrato de exclusividade com a Rede Record, Vitor Hugo atuou ainda em nas novelas ALTA ESTAÇÃO e VIDAS OPOSTAS (2007, Novelas – Rede Record); O PROFETA (2006, Novela – Rede Globo); CABOCLA (2004, Novela – Rede Globo); REQUEBRA (2000, Cinema); MALHAÇÃO (1999, Novela – Rede Globo); CORPO DOURADO (1998, Novela – Rede Globo); VOCÊ DECIDE (1997, Seriado – Rede Globo); CONFISSÕES DE ADOLESCENTE (1996, Série – Rede Bandeirantes); FICA COMIGO (1995, Cinema); VOCÊ DECIDE (1994, Seriado – Rede Globo); SEX APPEAL (1993, Mini-Série – Rede Globo); PERIGOSAS PERUAS (1992, Novela – Rede Globo); ANA RAIO E ZÉ TROVÃO (1991, Novela – Rede Manchete); NA REDE DE INTRIGAS (1990, Míni-Série – Rede Manchete).

Com uma consistente formação teatral, Vitor Hugo ainda atuou, produziu e dirigiu mais de uma dezena de espetáculos teatrais com destaque para as encenações da obra CAPITÃES DA AREIA, de autoria de Jorge Amado, por meio das quais Vitor Hugo foi laureado já aos 15 anos de idade como Melhor Ator Revelação no Prêmio Coca Cola de Teatro (na montagem do ano de 1992), e indicado ao Prêmio Shell de Teatro (o mais importante da categoria teatral) na montagem de 2005 na qual Vitor assinou a adaptação, produção executiva e direção do espetáculo.

Formação Acadêmica

Graduação

Bacharelado e Licenciatura em Filosofia

Tema da Monografia: O Conceito de Mímesis em Platão
(1997 – 2002) PUC – Rio de Janeiro – RJ

Cursos de Extensão –
Especialização

Teatro Grego: Máscaras da Tragédia e da Comédia

( 2004) UFRJ – Universidade Federal do Rio de Janeiro.

A Estética de Shoppenhauer – por José Thomaz Brum

( 2009 ) Casa do Saber – Rio de Janeiro – RJ.

Os Sentidos da Beleza: O olhar de Kant, Hegel, Umberto Eco e Jean François Lyotard – por Evando Nascimento

( 2010 ) Casa do Saber – Rio de Janeiro – RJ.

Viagem pela Literatura Européia – por Antônio Mega Ferreira

( 2016 ) El Corte Inglês – Lisboa – Portugal.

Pós-Graduação Lato Sensu

Especialização em Arte e Filosofia.

Tema da monografia: A ausência do Belo no pensamento estético de Kant e Heiddeger.
(2008 – 2209)

Formação Profissional –
Ator

SATED – RJ

Registro Profissional Ator, nº: 17.565 Lv. 78 Fl. 41 DRT – RJ

Curso: Formação de Atores

Direção Roberto Bomtempo. Rio de Janeiro ( 1987 a 1992)

Curso: Interpretação e Dramaturgia Corporal

Direção: Maria Pia Scognamiglio. Rio de Janeiro (1993 à 1994)

Curso: Interpretação para Cinema

Direção: Tizuca Yamasaki. Rio de Janeiro (1996)

Workshop: Expressão Teatral

Direção: Eugênio Barba / Odin Theater. CCBB. Rio de Janeiro (2007)

Workshop: Introduction to Full Mask. Creating Puppet Characters. An Approach to Object Manipulation

Direção: Claire Dancoisne / Théâtre La Licorne. Lisboa. Portugal (2016)

Workshop: Grand Cirque Du Messiê Loyal

Direção: Márcio Libar / Rio de Janeiro – RJ (2017)

Receba novidades

Instagram

Something is wrong.
Instagram token error.
Follow
Load More